Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Ausência & Sonhos

Segunda-feira, 10.09.12

 

Olho ao redor não te vejo,

Só um sentir abrasador,

Palpita o peito, ferve a fronte

Sonhos loucos, minha dor.

Tudo é tão frio e vago,

Se não estás aqui (ausente)

Sou como lírio sedento,

Sem gota d’agua pendente…

Em meu delírio te anseio,

Não me dês tal sofrer,

Ó! Cruel noite sem fim…

Abre a porta ao Alvorecer!

 

 

 

RJ- Novembro-1978

 

 

 

 

“Sonhos”

 

Botei os olhos á janela

E vi a vida passar,

Passaram também meus sonhos

E eu fiquei a olhar.

Passaram tantos, tantos,

Das minhas mãos a fugir

Ainda tentei alcançá-los,

Mas qual? – Não consegui!

Meu Deus, como se vão…

Ligeiros como o vento.

Dos sonhos que sonhei,

Só encontrei um lamento.

 

11-05-1980

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Cecilia Rodrigues às 19:24


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2012

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30

arquivos

2014

2012